Notícias

Notícias

Publicado em 22/12/2022

Programa de Aceleração de Impacto Social (PAIS) encerra 5ª edição com balanço positivo

Programa de Aceleração de Impacto Social (PAIS) encerra 5ª edição com balanço positivo
Programa de Aceleração de Impacto Social (PAIS) encerra 5ª edição com balanço positivo

Após 5 meses de trabalho, chegou ao fim a 5ª edição do Programa de Aceleração de Impacto Social (PAIS), promovido pelos Institutos Bancorbrás, Sabin, BRB, Sicoob Planalto Central e Mais Brasal, com a realização da Phomenta. Em 2022, o grande diferencial foi a realização do Curso de Captação de Recursos  via WhatsApp, que teve como objetivo levar conteúdos práticos e relevantes para Organizações da Sociedade Civil (OSCs). Ao todo, 200 instituições de todo o Brasil participaram da capacitação.  

Após a conclusão do curso por meio do aplicativo, foi realizado um processo seletivo, em que 40 instituições foram selecionadas para participar de módulos online sobre desenvolvimento em gestão ágil e sustentabilidade e colocar em prática os protótipos de captação de recursos. A segunda etapa do PAIS bateu o recorde com o maior número de organizações de cidades e estados diferentes participando do programa. Ao todo, estavam presentes OSCs de 18 estados mais o Distrito Federal.

Leandra Santos, Analista de Responsabilidade Social do Instituto Bancorbrás, afirma que é gratificante fazer parte da história do programa, desde o início. “Nós acreditamos no protagonismo social e as organizações sociais são as responsáveis por ele. Então nada mais justo do que a gente fazer esse investimento e fortalecimento dessas instituições, para que possamos fomentar cada vez mais essas iniciativas e transformações sociais”, aponta. Outro parceiro que participou da concepção do programa foi o Instituto Sabin e Gabriel Cardoso, Gerente Executivo do Instituto Sabin, concorda com Leandra. “O nosso objetivo é contribuir para a melhoria da qualidade de vida, do bem-estar e da prosperidade das comunidades, sempre fomentando a inovação e o desenvolvimento”. 

Para o Superintendente do Sicoob Planalto Central, Edivaldo Alves, ser um dos apoiadores do programa é um aprendizado. “Essa parceria nos trouxe para outro patamar. É uma direção sem volta. Juntos estamos sempre agregando valor para cumprir os nossos objetivos, que é a sustentabilidade e o bem-estar social”, afirma. Leila Republicano, Presidente do Instituto BRB, complementa o colega. “A gente pode sempre potencializar resultados quando nós, de forma colaborativa, promovemos ações e projetos voltados para o Terceiro Setor”. 

Em 2022, o Instituto Mais Brasal participou pela primeira vez do PAIS. “É muito bom ver que existem transformações e que o impacto chega onde ele deve chegar”, comenta Eronilde Pereira, Analista de Responsabilidade Social do Instituto Mais Brasal. “Cuidado e valorização das pessoas é o nosso lema. Nós estamos aqui para somar no Terceiro Setor”. 

Fim do ciclo

No encerramento da 5ª edição do programa, foi realizado um evento online e inclusivo, que contou com a participação de representantes de todos os Institutos. Além disso, oito organizações tiveram a oportunidade de compartilhar seus projetos de captação de recursos. A banca avaliadora selecionou três propostas que, em 2023, irão receber um capital extra através de um matchfunding – modelo de financiamento coletivo que conta com o apoio de empresas privadas – e poderão desenvolver suas iniciativas na prática. As OSCs escolhidas foram: Centro Cidades – Ação e Educação Socioambiental, de Maturéia, Paraíba; Associação Remanso Fraterno João Gabriel, em Cáceres, Mato Grosso; e Sementes do Futuro, de Bangu, Rio de Janeiro.   

 

Resultados positivos

Só em 2022, o PAIS impactou mais de 36 mil pessoas em todo o Brasil. Nos últimos quatro anos, o programa beneficiou 99 instituições e 93.204 pessoas indiretamente. Com as técnicas aprendidas no programa, as organizações conseguiram captar R$3.716.069,94 para investir em seus projetos sociais.

 





Comente essa notícia