Notícias

Notícias

Publicado em 25/05/2022

Instituto Bancorbrás lança comunidade GerAção Bancorbrás Social

Instituto Bancorbrás lança comunidade GerAção Bancorbrás Social
Instituto Bancorbrás lança comunidade GerAção Bancorbrás Social

Com o objetivo de promover e fomentar o protagonismo e a sustentabilidade de instituições do Terceiro Setor, o Instituto Bancorbrás lançou a Comunidade GerAção Bancorbrás Social. A iniciativa visa conectar 23 instituições de Ribeirão Preto (SP), Fortaleza (CE), João Pessoa (PB) e Goiás (GO) que participaram de edições anteriores do Bancorbrás Social – projeto que oferece capacitações gratuitas voltadas para a melhoria da governança, comunicação e captação de recursos. 

Durante o ano, serão realizados encontros mensais para aperfeiçoamento em temas voltados para as metodologias ágeis e no fomento de parcerias entre os participantes da Comunidade; rodas de conversa com assuntos demandados pelas organizações; e ações paralelas, propostas pelas instituições. “Iremos utilizar uma metodologia baseada em gamificação, em que elas terão que cumprir algumas atividades, ações e desafios a serem realizados objetivando maior colaboração, atuação em rede, engajamento e fortalecimento do Terceiro Setor”, comenta Roberta Abreu, Gerente Executiva do Instituto Bancorbrás. 

Claudio Roberto Filho, Diretor Executivo do Instituto Bancorbrás, aponta que a GerAção Bancorbrás Social tem também como objetivo fortalecer o ecossistema do empreendedorismo social para o alcance do protagonismo de Organizações Sociais. “Em 2022 não iremos realizar a aceleração de novas instituições, mas vamos fomentar as boas práticas para as organizações que já foram beneficiadas, aprofundar os conceitos e ferramentas de metodologias ágeis, além de estimular ainda mais a atuação colaborativa entre as instituições participantes”, comenta. 

Bancorbrás Social

É um projeto do Instituto Bancorbrás que tem o objetivo de fortalecer o Terceiro Setor, por meio de formações e qualificações de profissionais de Organizações da Sociedade Civil (OSCs). Um dos resultados almejados é que as instituições impactadas alcancem sua sustentabilidade financeira e administrativa. Em 2019, a 1ª edição do projeto aconteceu em Ribeirão Preto (SP), onde dez instituições locais foram beneficiadas. Já em 2020, a 2ª edição do projeto ocorreu de forma 100% online e proporcionou um espaço de aprendizagem para 14 organizações de Fortaleza (CE) e João Pessoa (PB). E, em 2021, a iniciativa beneficiou 15 instituições do estado de Goiás. Para a realização do projeto, o Instituto conta com a parceria com a Phomenta, aceleradora de OSCs.


Comente essa notícia